Menu

Posts Destaques

08 dezembro, 2017

RESENHA | A ARTE DE SE FAZER RESPEITAR

Titulo:  A Arte de se fazer Respeitar
Autor: Barbara Berckhan
Editora: SEXTANTE
Páginas:159

Edição de: 2013
Adquira aqui: 📚


Sinopse:

"A arte de se fazer respeitar não é nenhum mistério: ela consiste em manter a calma, tratar a si mesmo e aos outros com dignidade e se expressar de maneira clara e sem atacar ninguém verbalmente.
Especialista em comunicação, Barbara Berckhan elaborou um guia prático contendo as principais estratégias de auto afirmação para ganhar o respeito dos outros.
Seus exemplos e sugestões irão ajudar você a mudar seu modo de agir para que suas opiniões sejam levadas em conta, sem que precise gritar nem ficar mudo diante das provocações.
Você também vai aprender a:
• Expor seus desejos de maneira contundente, dizendo claramente o que quer e o que não quer.
• Dizer “não” sem dificuldade e impor limites.
• Ser enérgico para fazer valer sua vontade.
• Controlar sua linguagem corporal e adotar uma postura confiante para causar uma boa impressão.
• Não criticar tanto a si mesmo, melhorar seu estado de espírito e se defender das pessoas mal-intencionadas.
Seja com a família, com os amigos ou no trabalho, você só conseguirá alcançar seus objetivos se for tratado com respeito e dignidade. E lembre-se: é mais importante ser respeitado do que agradar os outros."
Barbara Berckhan, autora da obra em questão, foi ao meu ver muito feliz pelo conteúdo de qualidade que este livro oferece. Na introdução ela já deixa claro que gosta de coisas: diretas e objetivas. Nada de enrolação! Essa declaração introdutória já foi suficiente para eu mergulhar de cabeça nessa leitura.
Vivemos em uma época em que é difícil ser entendido. Você diz algo e acaba sendo mal compreendido. Parece que a comunicação saudável e harmoniosa já não funciona mais no século 21. E o advento da Internet e redes sociais só vieram para aumentar o problema. 

Com a facilidade dessas plataformas, todos acham que podem falar o que quiserem e quando quiserem. Daí, a comunicação torna-se bem difícil. Barbara é pedagoga e especialista em comunicação. Em A arte de se fazer respeitar, ela traz dicas importantes sobre como podemos fazer com que as pessoas nos respeitem ao invés de nos tratarem como lixo ou animais de carga, colocando sempre sobre nós suas responsabilidades afim de que as possamos executá-las(não que não seja legal ajudar as pessoas).

Dividia em dias 5 capítulos, o primeiro obra traz  dicas sobre a comunicação não verbal. Pois mais da metade de nossa comunicação é não verbalizada. Segundo capítulo fala sobre como podemos nos manter animados, calmos e seguros mesmo quando recebemos um "não" ou quando alguém nos trata mal. O capitulo a seguir agrega dicas de como podemos dizer "não" com elegância, sem rispidez e etc. Muitos têm receio de negar certos pedidos a eles formulados. Segundo Barbara, precisamos as vezes dizer: "não" para nossa própria saúde e bem-estar. O penúltimo capítulo apresenta ensinamentos relacionados a persistência. Como podemos ser obstinados de forma certa, e o último trata de questões relacionadas a nossa própria autoestima.

Durante a leitura só uma coisa me incomodou muito: as frases de efeitos ou de destaques antes e depois de cada parágrafo. Elas bloqueavam minha leitura/ritmo de leitura. O texto da autora é bem elegante e flui de maneira muito natural! Tanto é que li todo o book em apenas um dia. Mas esses textos de destaques são um ponto negativo. Tirando isso, amei a leitura. A arte de se fazer respeitar oferece o que promete: dar aos leitores dicas  inteligentes de expressar seus desejos e estabelecer limites. E já até estou querendo ler a outra obra da autora intitulada: Como se defender de ataques verbais. .

2 comentários:

  1. Olá!! Gostei da resenha! Deua vontade de ler!! Comunicação vai além de só falar e muita gente não entende isso. Por outro lado, às vezes é necessário impôr respeito e isso é algo que ainda estou aprendendo.
    Gostei de saber que o texto é elegante, porque às vezes esse tipo de livro gera um certo preconceito, um medo de ser só um conjunto de regrinhas.

    sonhos-e-suspiros.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Correndo aqui pra ver teu blog! e volte sempre rsr

      Eliminar