Menu

Posts Destaques

14 julho, 2017

RESENHA - A VISÃO APOCALÍPTICA E A NEUTRALIZAÇÃO DO ADVENTISMO

Titulo: A VISÃO APOCALÍPTICA E A NEUTRALIZAÇÃO DO ADVENTISMO
Autor: George R. Knight
Editora: CPB
Páginas: 112
Ano: 2010

Adquira : AQUI

Sinopse:
Como uma igreja pode perder sua vivacidade, utilidade e relevância? A resposta está na neutralização, ou esterilização, palavra relacionada à impossibilidade de reprodução. Se você acha difícil sua igreja passar por esse processo, saiba como o liberalismo protestante se auto esterilizou e descubra como o adventismo tem sido tentado a fazer o mesmo. O autor defende a revitalização da visão apocalíptica. Para ele, essa é a chave para a renovação das forças no momento em que o mundo caminha para o fim.

George R. Knight é autor também dos seguintes livros: A Mensagem de 1888, Em Busca da Identidade e Adventismo, este último você pode ler a resenha aqui: Adventismo. Todos estes livros foram traduzidos para o português, e publicados pela Casa Publicadora Brasileira. Knight é um dos maiores historiadores sobre o Adventismo que a igreja

Adventista têm.

O Que achei da obra
Para entender a ideia que o autor tenta transmitir aos leitores deste livro tive que ler e reler. Tudo isso porque as ideias de Knight são maduras, e bem revolucionárias. Na obra, o autor traça um diagnóstico da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Após uma análise profunda sobre a origem do adventismo, o autor o autor chega a conclusão de que o adventismo de hoje corre o perigo de neutralizar pontos importantes que fazem dele um movimento distinto e remanescente. O autor também fala do amor que deve existir entre aqueles que dizem ser o povo Remanescente da profecia Bíblica. Para ele podemos ser ou ter importantes verdades doutrinárias, porém sem o amor ao próximo nada seremos e importância nenhuma teremos. Um dos pontos muito discutido na obra é a visão apocalíptica. O autor conclui que muitos adventistas não mais pregam sobre profecias, e quando pregam, o fazem de maneira distorcida, muitas vezes dando mais ênfase aos símbolos e esquecendo o centro das profecias: o Cordeiro- Jesus Cristo.

O autor incentiva ao equilíbrio. Pois sem ele, podemos distorcer grandemente as mensagens da palavra de Deus. Leitura indispensável para quem deseja conhecer melhor o adventismo, bem como sua interpretação das profecias. Também serve para os adventistas que infelizmente esqueceram o primeiro amor.

Seja o primeiro a comentar!

Enviar um comentário